segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Dama da noite

A zona onde vivo é rica em fauna nocturna, encontrando-se por aqui a maior parte dos mamíferos de hábitos nocturnos que ocorrem em Portugal. Graças a um dos ribeiros menos poluídos do País e apesar da ocasional presença humana, o habitat torna-se ideal para suportar mamíferos como a Gineta (Genetta genetta). É um predador dotado de uma excelente visão nocturna e desloca-se em total silêncio. Durante os dois meses que passei em prospecção, preparação e a fotografá-la, observei o seu comportamento e os seus hábitos para melhor a fotografar. Longe de ficar contente com o que tenho, há mais trabalho a fazer e outros mamíferos na lista.
Mata Nacional de Leiria

6 comentários:

Carlos Franquinho disse...

Não desfazendo os teus restantes trabalhos mas isto, caro Gonçalo, é de mestre! :D

Luis Ferreira disse...

Granda LEMOS!!! Bem que andavas a prometer :) Abraço e continua!

david costa disse...

Muito bom mesmo como é sempre de esperar das tuas fotos. Parabens e espero ancioso por mais trabalhos como este. Abraço

André Melícias disse...

Esses dois meses parecem ter sido bem recompensados...

Nuno Sousa disse...

Esta foto já tinha sido feita antes da sequência que apresentou no festival de Vouzela? É que esta parece-me melhor que a que apresentou lá porque a Gineta aparece com mais imponência.
Parabéns pelo seu magnífico trabalho.

In(cen)Diários disse...

Excelente registo.

Seria possível dar-me pequenos conselhos sobre fotografar ginetas?

Sendo noturna, quais as principais preocupações a nível de escolha do local, a utilização ou não de iluninação, etc.

Um muito obrigado, Filipe